O Selo de Origem Agroecológico nasce da necessidade de estimularmos a produção de alimentos agroecológicos, promovendo a saúde dos produtores e dos consumidores e criando uma relação mais sustentável do ponto de vista econômico e ecológico nas comunidades rurais do município de Alpestre. O selo nasce da necessidade de certificar produtos com sua referência geográfica, maneira ecológica da sua produção e manejo, e o processo ético que envolve as relações de trabalho e comercialização entre todos os atores e agentes do processo. O selo ALPESTRE AGROECO pretende estimular novas famílias de produtores rurais a entrarem nesse movimento de transição agroecológica.

 

A preocupação está além da qualidade e idoneidade do produto que será comercializado, mas também com a saúde dos agricultores envolvidos na produção, com o papel protagonista da mulher e dos jovens nos processos de decisão. Acreditamos que para alcançarmos o horizonte de uma produção verdadeiramente orgânica, em todos os sentidos desse conceito, precisamos de uma transição que vai além da forma de produzir mas uma transição também nos paradigmas e nas ideologias que sustentavam os velhos paradigmas de produção.

 

Instituições fundadoras e mantenedoras do Selo de Origem AgroEco: UniPermacultura, Emater, Sindicato Rural, Secretaria da Agricultura, Movimento dos Atingidos por Barragem, Cooperativa Extremo Norte, Casa Familiar Rural e Marcos Ninguém Permacultura.

Unipermacultura © 2017.

Design Eric DeBrito

Estação UniPermacultura

contato@unipermacultura.com.br

Alpestre - Rio Grande do Sul

Eco Vila Dom José